Buscar
  • Ana Zacharias

O que você quer ser agora que já cresceu?


Sempre que me perguntavam o que eu queria ser quando crescesse pensava em ser atriz para poder ser quem eu quisesse. Me imaginava em um momento uma dona de casa em aquela que cortava os fios certos e salvava o mundo... Eu simplesmente não queria ter que escolher.


Fico me perguntando o porquê de termos que ser uma coisa só. Será que nos define o papel que tomamos na vida profissional? É possível e necessário que precisemos ser ou isso ou aquilo? Como seria ser médica e também artista sem ter que definir um como profissão e outro como hobby? O que, por fim, define quem somos? Será que nosso valor está no quanto conseguimos produzir de dinheiro ou podemos também dizer que está relacionado ao quanto podemos produzir de felicidade para nós e para quem está ao nosso redor?

Ao longo da minha jornada trabalhando com pessoas posso dizer que as escolhas mais profundas, o que pode definir está muito mais relacionado ao que nos faz inteiros e, profundamente, uteis para o mundo e para os outros. Quando trazemos para o mundo nossos valores, realizando ações e utilizando nossos talentos é que produzimos algo que realmente faz a diferença. É nas relações que existimos, é em contato com os outros. Somos um grande jardim que precisamos cuidar constantemente para que floresça e traga beleza.

Agora que já cresci percebo que não preciso ser atriz para ter diversos papéis. Me permito ser inteira em cada âmbito da minha vida porque percebi que a única constância na vida é a mudança. Percebo que as minhas escolhas são muito mais sobre como posso fazer a diferença no mundo que vivo com ações mais conscientes, percebo que preciso cuidar de mim para ser a oferta que quero ser para os outros. Enxergo a minha trajetória com profunda gratidão. Quero partilhar cada vez mais com as pessoas, trocar experiências, aprender com o passado para refletir sobre o futuro. O que podemos criar para os próximos anos?

E você, já sabe o que quer ser agora que já cresceu?

14 visualizações